Nacionalismo, clichês, publicidade e copa do mundo

Por Fernanda Souza

É tradicional, mercadológico e estratégico: em época de copa do mundo, as propagandas no país do futebol entram no clima e literalmente, se pintam de verde e amarelo. Produtos e serviços tentam atingir seus clientes com anúncios influenciados pela copa. Mas, hoje em dia, não é apenas com um Brasil, sil, sil que uma marca vai conquistar ou atrair novos clientes.

Atualmente o que faz sucesso é o “Gool ohhhh ohhhh Gool, Brasil” da música da campanha da Coca-Cola para a copa ou as propagandas de outras grandes marcas, que com qualidade técnica, textos e elementos visuais ou sonoros bem elaborados e até mesmo jogadores importantes como personagens, conseguem alcançar a empatia de seus públicos.

Para o redator publicitário Flávio Lanaro, uma boa propaganda deve tentar sempre fugir de ideias comuns. “Ninguém mais acredita naquele grito de Brasil, agitando a bandeira. Tudo deve ter uma certa profundidade e um link maior com o produto e com o sentimento de nacionalismo do brasileiro. Se repetir a propaganda ou o estilo, a campanha não atinge seu objetivo, e hoje os clichês ainda são recorrentes”, considera.

Lanaro é jornalista por formação, mas há 20 anos trabalha com publicidade. Hoje é sócio proprietário de uma agência conceituada de Londrina. Depois de ver e usar vários clichês em sua carreira, Lanaro acredita que só existe um segredo para chamar a atenção em época de copa do mundo: o bom gosto. “Independente do veículo, é importante que a imagem esteja associada a um conceito forte. Mesmo que o conceito esteja subentendido, ele tem que ser bom. Nas mídias impressas o que se vê é que os comerciais estão utilizando apenas texto e esquecem o recurso visual e vice versa. Esses elementos devem estar equilibrados”.

Segundo Lanaro, nos veículos audiovisuais é mais fácil de se atingir o objetivo das campanhas. “É algo que contagia, no rádio você tem o som de torcida, e na TV tem as cores, os recursos de som e imagem. É mais fácil de criar e são os meios mais explorados”.

Na opinião do redator, não é difícil traduzir o momento da copa para a publicidade. “A copa do mundo já está no imaginário do brasileiro. O clima é automático e não caindo no verde amarelo excessivo, a empresa deve sim aproveitar esse período. Se uma empresa é pequena por exemplo, não vai acontecer de aumentar ou diminuir a venda, mas ela vai criar um momento simpático com o cliente”.

Lanaro lembra que não é só a copa que o mercado busca. “Uma boa propaganda sempre terá espaço, independente da época. A copa dura um mês e não é todo produto que vai ter sucesso usando o evento. Às vezes é melhor esperar para poder anunciar, porque o mercado está saturado de copa do mundo e o consumidor pode não notar que o produto está lá”, diz.

Engraçado, né?

Tentar atingir o cliente com humor, principalmente em época de copa, pode não ser uma tarefa fácil no mundo da publicidade. Grandes marcas, como a Skol, provaram que é possível. Em um comercial bem humorado, a empresa consegue expressar a rivalidade entre Brasil e Argentina no futebol, assentuada durante a copa.

Para Lanaro, essa é uma exceção. “O humor requer um timing de escrita, uma boa interpretação, um bom texto e uma boa produção. Aqui no interior por exemplo, em que você não dispõe de recursos financeiros, essas propagandas são bem difíceis de ser feitas. Existe um risco muito grande de se cair no ridículo, o que prejudica a marca. Mas, se você conseguir ‘pegar na veia’, é uma propaganda que vai ser muito bem lembrada e vai ser comentada”, conclui.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Esporte

Tags: , , , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: